A uberização do trabalho: luta de classes na era digital com Galo de Luta, Rafael Grohmann, Ricardo Antunes, Renata Mielli e Márcio Pochmann

As tecnologias de informação e comunicação se tornaram ferramentas para aumentar os lucros e a produtividade das empresas, intensificando a exploração e a espoliação da força de trabalho. A corrosão dos direitos trabalhistas nos dias que correm se aproxima da fase primitiva da acumulação capitalista. Ao olhar para as plataformas digitais vemos que jornadas acima de dez ou doze horas têm sido mais a regra do que a exceção. Nesse contexto informacional, digital e financeiro, em que os algoritmos – o novo fetiche tecnológico das corporações – se convertem em programas capazes de agregar volumes enormes de informações sobre a produção de trabalhadores e trabalhadoras, incluindo dados como distâncias percorridas, valores percebidos, tempo, intensidade e ritmo do trabalho, possibilita-se uma maior sujeição e degradação das condições de vida da classe trabalhadora. Como reagir a essa nova realidade?

 

Rafael Grohmann Professor do Mestrado e Doutorado em Comunicação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Unisinos. Coordenador no Brasil do projeto Fairwork, ligado à Universidade de Oxford. Organizador do livro Os Laboratórios do Trabalho Digital, publicado pela Boitempo

 

Ricardo Antunes Professor Titular de Sociologia do Trabalho no IFCH/Unicamp. Autor de Uberização, trabalho digital e Indústria 4.0 (org., Boitempo);  Coronavírus: o trabalho sob fogo cruzado; Privilégio da Servidão (Boitempo, estes dois últimos publicados recentemente na Itália); Os Sentidos do Trabalho (Boitempo, publicado também na Argentina, EUA, Inglaterra/Holanda, Itália, Portugal e Índia); Adeus ao Trabalho? (Cortez e também na Argentina, Itália, Espanha, Venezuela e Colômbia), entre outros.Foi Visiting Professor na Universidade Ca’Foscari (Veneza/Itália); Visiting Research Fellow na Universidade de Sussex (Inglaterra) e  Visiting Scholar na Universidade de Coimbra (Portugal). Coordena a coleção Mundo do Trabalho (Boitempo).

 

Marcio Pochmann Autor de mais de cinquenta livros, é economista, pesquisador, professor e político. Graduado em Economia pela UFRGS, pós-graduado em Ciências Políticas pelo Centro Universitário do Distrito Federal e doutor em Ciências Econômicas pela UNICAMP, desde 1989 é professor titular de Economia da UNICAMP. Foi presidente da Fundação Perseu Abramo de 2012 a 2020, bem como presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada entre 2007 e 2012 e secretário municipal de São Paulo de 2001 a 2004.

Quando

03/10/2021

Convidados

Galo de Luta, Rafael Grohmann, Ricardo Antunes, Márcio Pochmann

Mediação: Renata Mielli